Archive for the 'mobilidade em aveiro' Category

My presentation in IIID

(PT) Sinopse

A mobilidade na cidade contemporânea, cada vez mais densa, complexa e diversificada, não contribui para a sustentabilidade se os “hábitos de vida” actuais persistirem. Torna-se necessária uma nova leitura na compreensão do uso da cidade, para conciliar o desenvolvimento económico e a acessibilidade com a melhoria da qualidade de vida e com a defesa do ambiente.

(EN) Synopsis

Mobility in the ‘contemporary city ’, more and more dense, complex and diverse, does not contribute to a sustainable model in the face of the current trends of individual mobility.

Continue reading ‘My presentation in IIID’

IIID Traffic & Transport 2009:)

3

http://www.iiid-expertforum.net/

2

(PT) Eu estive 🙂

(EN) I were there🙂

parking in Aveiro

untitled-12

(PT) Estacionamento gratuito em parques

Existem cinco grandes parques gratuitos na cidade, observando-se uma procura acentuada no do hospital, no Sr. dos Aflitos e no da Estação. Esta elevada procura deve-se ao facto das suas localizações serem em zonas mais centrais da cidade.

(EN) Free parking in parks

There are five major parks in the city, observing a strong demand in the hospital Sr. dos Aflitos and in the Station. This high demand is due to the fact that their locations are in more central areas of the city.

Continue reading ‘parking in Aveiro’

pedestrian and cycling networks in Aveiro

19

(PT) A zona central de Aveiro é caracterizada por um tráfego pedonal relativamente intenso, sobretudo no percurso que liga a estação à Universidade, sendo os estudantes os principais peões.

(EN) The central zone of Aveiro is characterized by a relatively intense pedestrian traffic, especially on the route that linked the station to the University, and the students are the main pedestrian.

Continue reading ‘pedestrian and cycling networks in Aveiro’

services in Aveiro

1

 

untitled-2

 

Tendo em conta que a maior parte dos serviços e dos pontos de atractividade do concelho se concentram no centro da cidade, conclui-se que não existe coesão territorial. Continue reading ‘services in Aveiro’

mobility hubs in Aveiro

1-12

Com a diminuição do tempo de trabalho, os horários alteraram-se, as pessoas têm o tempo mais segmentado e participam durante o dia em diversas actividades (ginástica, aula, compras, tráfego, actividades extracurriculares, …), tendo de conjugar horários familiares com profissionais. Assim, além dos locais de trabalho, também os locais de ofertas culturais e de consumo constituem estímulos para a mobilidade na cidade. Uma diminuição da duração das deslocações casa-trabalho permitiu passar maior tempo nas deslocações casa-lazer ou casa-compras. Consequentemente, os fluxos da população são hoje dispersos, diversos. Apesar de cada vez mais difíceis de identificar, podem definir-se pontos focais que justificam fluxos de mobilidade em Aveiro.

pesquisa de campo em Aveiro

evolucao-pesquisa4

Com algumas dificuldades, lá cheguei aos “actores” directa ou indirectamente intervenientes na construção de linhas de orientação para o meu estudo sobre a mobilidade em Aveiro. Fica um esquema que traduz essa evolução na pesquisa de campo e os tipos de informação para os quais contribuíram. Quero agradecer especialmente ao professor José Mota da Universidade de Aveiro, que constituiu um ponto chave para chegar a muita da informação.