Portuguese researchers develop the ‘CityMotion’

(PT) CityMotion

Investigadores portugueses concebem sistema de mobilidade

24.08.2009 – 15h56 Lusa (ver aqui)

A reunião numa plataforma logística de informação em tempo real sobre ambiente, telecomunicações, transportes e o modo como as pessoas circulam é o desafio de cientistas portugueses na procura do sistema de mobilidade urbano do futuro.

(PT) O CityMotion é um projecto que dentro de um ano pretende ter a funcionar protótipos reais nas cidades de Lisboa e Porto, coordenado pelo professor da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC) Carlos Lisboa Bento e integrado no Programa MIT – Portugal. Com a duração de três anos, desenvolve-se desde o início de 2008.

“É uma plataforma que recebe informações de várias fontes, muito heterogéneas, e que permite gerir a mobilidade de uma cidade”, declarou Carlos Lisboa Bento à Lusa, sobre um projecto que envolve dez investigadores e ainda empresas de telecomunicações, operadores de transportes e logística, as câmaras municipais de Lisboa e do Porto, a Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP) e o Instituto Superior Técnico de Lisboa (IST).

Segundo o investigador, esta “radiografia única da cidade” fornecida pelo CityMotion vai “alterar radicalmente os paradigmas de mobilidade” no espaço urbano, onde não é fácil mudar devido às estruturas físicas, pelos seus grandes impactos financeiros e ambientais.

“Em vez de criar novos viadutos ou novas ruas, optimizamos a utilização dos recursos e infra-estruturas, recorrendo a essa envolvente digital”, explicou, frisando que se a mudança se tornar incontornável ela será mais planeada e eficaz.

A nível dos transportes, os operadores disporão de “uma radiografia em tempo real” do lado da procura, e sobre as necessidades, podendo assim planear rotas com optimização energética.

O cidadão comum que pretenda deslocar-se terá acesso através do seu telemóvel a informação para o planeamento da viagem. Saber qual a melhor rota, o tempo que gasta, o custo em transporte individual ou nas alternativas de transporte colectivo.

Juntando a informação das várias fontes – de operadores de comunicações móveis, sensores de tráfego, de empresas de transportes públicos – poderá saber-se em tempo real onde está cada veículo, onde recolhem e largam passageiros, seja autocarro, metro ou táxi, e pelos telefonemas ter-se a noção dos locais de concentração de pessoas, e de como elas se movem.

Esta plataforma integrada de informação em tempo real, e com capacidade de detecção e previsão, será também útil para as forças de segurança, Protecção Civil e Emergência Médica porque “em caso de catástrofe, terrorismo, incêndio e acidentes, podemos muito mais rapidamente percepcionar situações de risco eminente ou classificar um incidente”, referiu.

Recentemente, por acção da investigadora da FEUP Teresa Galvão, foi celebrado um protocolo que associa ao CityMotion as empresas TMN, Carris, Sociedade de Transportes Colectivos do Porto (STCP), TIP – Transportes Intermodais do Porto, Metro do Porto, Frotcom, Geotaxis e as câmaras municipais de Lisboa e do Porto.

Estas instituições, segundo Carlos Lisboa Bento, “contribuíram de forma decisiva para formar a maior e mais completa plataforma de informação a nível internacional, ao juntar os vários actores de mobilidade”.

1 Response to “Portuguese researchers develop the ‘CityMotion’”


  1. 1 Etelvina Almeida October 15, 2009 at 11:55 pm

    Isto sim será uma revolução do conceito de mobilidade.
    Estas mudanças são sempre bem vindas. E desta vez nas mãos dos portugueses.
    Obrigada Joana por passares esta informação.
    Continuação de um bom trabalho.
    Abraço da Etelvina


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s





%d bloggers like this: